10/10/2017 11h56 - Atualizado em 10/10/2017 11h56

Dia do Engenheiro Agrônomo: O nosso cartão de trabalho

Pertencemos ao universo das ciências agrárias, fundamentais ao desenvolvimento do agronegócio brasileiro e que deixou a imagem do jeca tatu apenas na literatura.

Em 17% do território brasileiro com lavouras, florestas e pastagens plantadas e mais 13% de pastagens nativas (145 e 111 milhões de hectares), ajudamos a gerar 24% de toda riqueza nacional, praticamente todos os alimentos que você consome, 30% dos empregos e 46% das exportações.

Para atingir tais resultados, contribuímos com a pesquisa e transferência das tecnologias e com os conhecimentos que aumentam a produtividade dos alimentos, fibras e energia. Isto, numa velocidade 4 vezes superior a dos demais setores da economia e com significativos resultados na preservação do meio ambiente.

Entre 20% a 80% das áreas das propriedades, dependendo da região do país, auxiliamos no restabelecimento e na manutenção da cobertura vegetal nativa (162 milhões de hectares), que produzem parte da água que mata a tua sede e do oxigênio que você respira. Esta situação não encontra paralelo em nenhum outro país do mundo, sem esquecer que a água é o recurso mais escasso deste milênio.

O agro une o rural e o urbano, tornando estes espaços complementares e interdependentes e criando as condições para o desenvolvimento regional de outras atividades fundamentais, como o lazer, a agroindustrialização e o turismo rural, além da preservação da cultura, das tradições e de um estilo de vida cada vez mais valorizado e procurado.

Tudo isto constitui a vocação do Brasil que dá certo, apesar das mazelas econômicas, políticas e gerencias. Mais certo ainda porque, na mesma data, se homenageia as crianças, o futuro do Brasil, e Nossa Senhora Aparecida, nossa padroeira.

Homenagem do Massa News e do Negócios da Terra a todos os Engenheiros Agrônomos do Brasil.

Eugênio Stefanelo COLUNISTA Eugênio Stefanelo
SAIBA MAIS SOBRE O COLUNISTA
Apresentador do programa Negócios da Terra, professor da UFPR e doutor em economia agrícola.

últimas: notícias vídeos

Facebook Twitter Youtube E-mail